Cilada Para Um Marquês - Sarah MacLean - Escândalos e Canalhas #01


Editora: Gutenberg
Páginas: 320

Sinopse: Sophie Talbot é conhecida pela Sociedade como uma das Irmãs Perigosas – mulheres Talbot que fazem de tudo para se arranjar com algum aristocrata. O apelido chega a ser engraçado, pois se existe algo que Sophie abomina é a aristocracia. Mas parece que mesmo não sendo uma irmã tão perigosa assim, o perigo a persegue por todos os lugares. Quando a mais “desinteressante” das irmãs Talbot se torna o centro de um escândalo, ela decide que chegou a hora de partir de Londres e voltar para o interior, onde vivia antes de seu pai conquistar um título. Em Mossband, ela pretende abrir sua própria livraria e encontrar Robbie, um jovem que não vê há mais de uma década, mas que jura estar esperando por ela.No entanto, ao fugir de Londres, seu destino cruza com o de Rei, o Marquês de Eversley e futuro Duque de Lyne, um homem com a fama de dissolver noivados e arruinar as damas da Sociedade. Rei está a caminho de Cumbria para visitar o odioso pai à beira da morte e tomar posse de seu ducado. Tudo o que ele menos precisava era de uma Irmã Perigosa em seu encalço.O Marquês de Eversley está convicto de que Lady Sophie Talbot invadiu sua carruagem para forçá-lo a se casar com ela e conquistar um título de futura duquesa. Já Sophie tenta provar que não se casaria com ele nem que fosse o último homem da cristandade. Mas e quando o perigo tem olhos verdes, cabelos claros e a língua afiada?Essa viagem será mais longa do que eles imaginavam…


Cilada Para Um Marquês é o primeiro volume da série Escândalos e Canalhas escrito pela Sarah MacLean. Vocês já devem ter percebido que a Sarah é uma das autoras que toma conta da nossa estante né? Não poderíamos deixar de comentar sobre essa série publicada pela editora Gutenberg.

Sophie Talbot é uma das degeneradas Irmãs Perigosas! Filha de um homem que trabalhou em minas de carvão a vida inteira e ganhou o título de Duque nas cartas, ela e suas irmãs são apenas toleradas pela sociedade e atualmente são o escândalo preferido da sociedade. Após causar um escândalo derrubando o cunhado em um laguinho numa festa, Sophie decide que está completamente farta da sociedade. Assim ela esbarra no marquês de Everley, mais conhecido como Rei, um famoso libertino que já arruinou um número incontável de jovens damas. Sophie então decide pegar uma carona com o Marquês para Mossband, já que ele está indo para Cúmbria visitar o pai que está a beira da morte. Essa viagem, porém, pode ser mais complicada para ambos do que Sophie e Rei imaginaram.

Confesso que demorei um pouco a engrenar essa leitura, pois não gostei muito de Rei no começo do livro, ele é bastante grosseiro com Sophie e isso me deixou bem chateada. O que me fez persistir foi que a personagem feminina desse livro é maravilhosa! Ela prova a tudo e a todos que sabe muito bem se virar sozinha, mesmo quando Rei não quer nada com ela.

O romance entre os dois vai se desenvolvendo pouco a pouco e isso é um aspecto positivo, pois quando Rei começa a ser um pouco mais agradável ele se torna um personagem muito fofo, Sim, ele tem muitos problemas, que são em sua maioria causados por ele ser extremamente mimado, me arrisco a dizer que o Marquês é um dos personagens de época mais mimados que passaram pela minha mão, em 90% do livro ele faz uma birra gigantesca com o pai que reflete demais em seu relacionamento com Sophie.

Preciso também dizer que peguei uma birra sem tamanho da família de Sophie, ela só tem irmãs embustes, a mãe parece ser uma pessoa fútil e o pai não ajuda em nada também. Todos eles só pensam em seus próprios umbigos, enquanto o tempo todo Sophie só quer protegê-los. Até mesmo a confusão inicial com o cunhado foi apenas para defender a irmã mais velha do embuste do marido. 

As capas dessa série são maravilhosas e essa em azul ganhou meu coração de cara! A diagramação é algo que eu PRECISO comentar com vocês, a Gutenberg arrasou MUITO nela, cada capítulo começa com um cabeçalho imitando um jornal e o título do capítulo parece uma manchete de um jornal de fofocas chamado Escândalos e Canalhas! Não é demais? Enfim, não sei vocês, mas por aqui a gente só quer mais Sarah MacLean nas nossas vidas.




6 comentários:

  1. "Só tem irmãs embustes" ri alto nessa parte kkkkk
    Eu to doida pra começar essa série da Sarah. Acho que vou gostar das mocinhas.
    Não curti muito lendo a resenha do Rei. Não vi muita fonte empatia, mas pretendo para tirar minhas conclusões.
    No aguardo da resenha dos próximos ^--^

    ResponderExcluir
  2. Olá! A Sarah Maclean é uma das minhas autoras de romances de época favoritas, já que suas histórias são sempre cheias de romance, aventura, ação, momentos fofos e divertidos, essa é a única série dela que eu ainda não comecei a ler, mas tenho certeza que vou amar, a capa é realmente linda, e a do próximo livro é ainda mais bonita, doida para ler logo esse livro.

    ResponderExcluir
  3. Priscila!
    Ando bem viciada nos romances de época, mas ainda não li nenhum livro dessa série da Sarah Maclean.
    Que Rei mais autoritário e mimado, hein? Se acha o último biscoito do pacote e fico feliz em ver que Sophie não se deixa domar tão facilmente e mostra a que veio.
    Desejo uma ótima semana!
    “Como eu não tenho o dom de ler pensamentos, eu me preocupo somente em ser amigo e não saber quem é inimigo. Pois assim, eu consigo apertar a mão de quem me odeia e ajudar a quem não faria por mim o mesmo.” (Desconhecido)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JUNHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi, Priscila!!
    Adoro os livros da Sarah MacLean, mas infelizmente ainda não li esse, no momento terminei o segundo livro da série Os números do amor dessa autora e estou bem ansiosa para ler o último!! Espero que muito em breve consiga ler esse livros também.
    Beijosss

    ResponderExcluir
  5. Eitaaaaa já vi que iria odiar ele. Principalmente por ser mimado, nesses romances de época eu sou apaixonada pelo Ian de Perdida. Um verdadeiro cavalheiro. E me admiro muito com a personalidade da Sophie, dá forma que vc descreveu ela parece ser uma mocinha muito interessante

    ResponderExcluir
  6. Eita que esse livro é um amorzinho sem fim 😍 Eu já li livros dessa escritura e postos dizer que ela nunca me decepcionou e posso dizer que nessa leitura ela também não me deu desgosto kkk Eu adorei a personagem principal, inclusive suas irmãs que aparentemente são loucas kkk O nosso mocinho por mais teimoso que fosse ainda sim conquistou meus corações aos poucos e devo dizer que eu estou louca pra ler o segundo.

    ResponderExcluir