O Estranho - Kristen Ashley - O Homem dos Meus Sonhos #01


Editora: Fábrica 231
Páginas: 576

Sinopse: Primeiro da série bestseller O Homem dos Meus Sonhos, da norte-americana Kristen Ashley, que chega ao Brasil pela coleção erótica Violeta, "O Estranho" conta a história de Gwen Kidd, uma mulher bonita, atraente e determinada, que se entrega a um relacionamento peculiar com um perfeito sedutor que aparece todas as noites em sua cama, envolvendo-a num excitante jogo de sensações, e a deixa sem que ela perceba, antes do amanhecer, sem que ela saiba ao menos o seu nome. Mas quando Gwen precisa ajudar a irmã, que se envolveu com uma gangue da pesada, e as duas passam a correr perigo, o lado protetor de seu amante misterioso vem à tona. Será que aquele louco relacionamento pode se revelar algo bem mais complexo?





O Estranho é o primeiro volume da série O Homem dos Meus Sonhos escrita pela maravilhosa, diva Kristen Ashley. Eu já tinha lido alguns livros dela e sou apaixonada na escrita dessa mulher, graças a Deus as editoras brasileiras resolveram descobrir que ela existe e estão começando a publicar os livros dela por aqui, esse foi o primeiro livro dessa autora publicado no Brasil pela Fábrica 231, selo da Editora Rocco.

Gwen é uma editora de livros atraente e divertida que vive um (não)relacionamento com um homem misterioso. Há um ano e meio atrás, ela conheceu um cara em um bar, eles foram para a casa dela, dormiram juntos e esse cara volta regularmente para mais uma dose de sexo com ela. O único problema é que até o momento da narrativa do livro, ela não sabe absolutamente nada sobre ele, além dele ser muito bom de cama. Quando a irmã de Gwen se mete em uma enrascada, o misterioso Hawk resolve se revelar e proteger a moça de ameaças que nem ela entende.

Em um primeiro momento você pode até estranhar o enredo desse livro até por que "como essa menina deixa um cara que ela nem conhece dormir com ela por um ano e meio?", porém preciso avisar a vocês que quando você começa a conhecer Gwen faz todo o sentido do mundo que isso aconteça com ela. Kristen Ashley apostou em uma mocinha que vive em seu próprio mundo, que é divertida, determinada e meio maluquinha e que cativa o leitos página a página.

O Estranho não é um livro extremamente erótico, mas tem algumas cenas mais hot, que não são tão gráficas, mas que não deixam em nada a desejar as autoras que carregam no erotismo por aí. E é aí que a escrita de Ashley me conquistou, ela conseguiu um equilíbrio que poucas autoras do gênero conseguem ser "sexy sem ser vulgar" .

A relação de Gwen e Hawk de certa forma vai se desenvolvendo e finalmente o rapaz percebe o que pode perder se deixar Gwen de bobeira por aí, e a menina não perde tempo em aceitar, mas com cautela o que ele está lhe oferecendo. Nesse mesmo livro conhecemos personagens que tem suas próprias histórias contadas em outras séries da autora, é o caso de Tack, que ganhou seu primeiro livro na série Chaos MC (#fikdikfábrica123) e também outros personagens que protagonizarão os outros livros da série.

Essa capa é a capa mais feia de todas as capas feias feitas na história das capas. Brega,parece aqueles posteres de filmes trash dos anos 80. Porém o conteúdo vale a pena e como vale, provavelmente essa vai ser uma das capas mais feias que terei na estante, mas é um dos livros mais divertidos que li esse ano, então acho que o sacrifício vale a pena.



16 comentários:

  1. Oii Priscila!
    Hahahah Adorei a parte "Essa capa é a capa mais feia de todas as capas feias feitas na história das capas". Realmente essa capa tá difícil de defender, peloamordedeus! A soma da sinopse com a capa, não me deu vontade de ler o livro. Como você disse, essa coisa da Gwen nem saber o nome do cara e mesmo assim os dois manterem um "relacionamento" desses não fez o menor sentido pra mim. Sabe, os personagens não me cativaram e não são bem o tipo que me fariam ficar presa na história. Mesmo que tenha uma justificativa pra isso tudo, o livro em si não é bem a minha praia :/ Só lendo para tirar as próprias conclusões.
    Ótimas leituras pra você!
    Beijos :)

    ResponderExcluir
  2. Achei meio louco a garota mal conhecer o homem sendo que tem relações com ele esse tempo todo. Mas só lendo mesmo pra ver se isso faz sentido. A garota parece legal, deve dar pra entender isso pela personalidade dela então...
    Até que o livro parece ser melhor do que uns que vejo por aí. Esse gênero já não me chama muita atenção, mas acho legal uma história que não fique focada em cenas hot, que tenha um jeito mais sexy e com mais trama e tal. Assim é mais divertido. Poder conhecer os personagens, ver mais coisas deles e da vida deles e ter essa ideia de pessoas reais e uma história bacana é bom de ler.
    Não sei se leria esse mesmo porque como disse não me chama muita atenção. Mas pra quem gosta de coisas assim ele parece ser bom ^^

    ResponderExcluir
  3. Oi Priscila!
    Eu soube que a Gwen é mais madura. Ela é divorciada e tal e tem esse caso com o Hawk. Eu acho moderno o relacionamento deles e a Gwen é bem resolvida consigo mesma, o que acaba fazendo sentindo.
    Eu ainda não li, mas pretendo ler ( apesar dessa capa que eu também não gostei). Acho que vou gostar da Gwen.
    Abc

    ResponderExcluir
  4. Também não gostei muito da capa, mas sua resenha está muito boa.
    Não sei se leria no momento, porque não é muito meu tipo de livro, mas quem sabe uma hora né?! <3

    ResponderExcluir
  5. Olá, nada pode estragar uma obra do gênero hot do que cenas de sexo forçadas e a autora, com sua escrita sutil, não peca em descrever tais cenas de forma descontraída mas sem abrir mão do erotismo. Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Tem que fazer sentido mesmo essas aparições do cara na cama dela haha
    Fiquei meio assim ao ler a sinopse, mas fico contente em saber que a autora consegue nos fazer entender e consegue encaixar essa situação certinho no enredo.
    Parece ser uma leitura envolvente e fiquei bem curiosa pra conhecer o desfecho da história do casal.
    O romance parece estar bem completinho! Espero conferir em breve.
    Beijos
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
  7. Priscila!
    Gostei de duas coisas: primeiro que eles já tem um relacionamento há algum tempo e também porque não são adolescentes ou jovens adultos, são protagonistas mais maduros.
    Não gostei foi do nome: Gwendolyn. Parece nome de algum ser fantástico. Vai-te!
    Deve ser uma leitura interessante, ainda mais porque envolve família também.
    “Não há saber mais ou saber menos: Há saberes diferentes.” (Paulo Freire)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JULHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. "como essa menina deixa um cara que ela nem conhece dormir com ela por um ano e meio?"
    Kkkkkk por incrível que pareça eu comecei a ler a resenha e pensei exatamente isso. Mas pelo que vejo parece ser uma história bem "caliente". E essa capa realmente é bem feinha.

    ResponderExcluir
  9. Ainda não conhecia a autora e quando vi que a Gwen dorme com um homem totalmente desconhecido por um ano e meio fiquei um pouco chocada, quem em sâ consciência faz isso? Mas ok, podemos relevar isso, fiquei bem intrigada para saber quais são os problemas que a irmã da Gwen se mete para o homem misterioso se revelar e porque proteger a protagonista se torna tão importante para ele e realmente a capa é bem feinha, mas pelo menos o modelo é bonitinho.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Preciso ler algo dessa autora logo! Acho as capas e sinopses dela maravilhosas!

    Beijinhos da Paty ;)

    ResponderExcluir
  11. Legal como a autora conseguiu desenvolver o equilíbrio. Também não gostei da capa hahah mas que bom que a história é legal!

    Beijinhos,
    Livros que Li

    ResponderExcluir
  12. Oi Pri, tudo bem?
    Hahahahaha coitadinha da capa kkkk, te garanto que acho outras mais feias do que esta. Não gosto muito deste estilo de livros então não me arrisco na leitura, mas gostei do equilíbrio que a autora tem entre as cenas hot.
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Olá! Gente, Kristen Ashley é a rainha de todas as rainhas, minha diva (já falei que a amo?!), os livros dela são maravilhosos, é aquele tipo de leitura que mesmo com várias páginas (no caso dela são váaaaaaarias mesmo) te envolve do começo ao fim, gosto que seus personagens são mais maduros o que torna a história ainda melhor, quando soube que os livros dela seriam lançados no Brasil adorei, no entanto concordo com você a capa é horrorosa (e o pior é que a tendência é piorar ainda mais, tá ai a capa de O Selvagem que não me deixa mentir), mas a leitura vale super a pena, esse é aquele tipo de livro que não devemos julgar pela capa, ansiosa para ter toda a série na minha estante (porque sim apesar da capa feia, este já faz parte da minha coleção).

    ResponderExcluir
  14. Ahhhhh essa capa não me agrada também 😂😂😂😂😂 e como ela é louca haja, dormir com um cara por um ano e não saber de nada e meio difícil entender essa esquisitisse kkkkk e não sei se leria o livro, pois não me agradou muito e sim sia resenha me deu uma pitada de curiosidade.

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  15. Oi, Priscila!
    A capa realmente não e legal, mas em compensação a estória e maravilhosa !! Acho que nunca li nenhum livro com esse tipo de enredo onde o mocinha tem um não-relacionamento com o mocinho, sem dúvida quero muito ler esse livro!!
    Beijoss

    ResponderExcluir
  16. Oi, já conhecia por alto a autora por causa de outra série. É um pouco estranho mesmo que ela ache normal isso kkkk, mas isso só prova que o livro deve ser muito divertido.
    E essa capa é realmente brega, o topete, a jaqueta sem camisa por baixo, fica até engraçado, porque não parece combinar com o enredo. Talvez alguma coisa mais escura, mais misteriosa já que ele não se revela.
    Amei a dica, gosto muito desse tipo de livro.

    ResponderExcluir