Volúpia de Veludo - Loretta Chase - As Modistas #03



Editora: Arqueiro
Páginas: 320

Sinopse: Simon Fairfax, o fatalmente charmoso marquês de Lisburne, acaba de retornar relutantemente a Londres para cumprir uma obrigação familiar. Ainda assim, ele arranja tempo para seduzir Leonie Noirot, sócia da Maison Noirot. Só que, para a modista, o refinado ateliê vem sempre em primeiro lugar, e ela está mais preocupada com a missão de transformar a deselegante prima do marquês em um lindo cisne do que com assuntos românticos.Simon, porém, está tão obcecado em conquistá-la que não é capaz de apreciar a inteligência da moça, que tem um talento incrível para inventar curvas – e lucros. Ela resolve então ensinar-lhe uma lição propondo uma aposta que vai mudar a atitude dele de uma vez por todas. Ou será que a maior mudança da temporada acabará acontecendo dentro de Leonie?Volúpia de veludo, terceiro livro da série As Modistas, é uma história de amor envolvente, com personagens femininas fortes e determinadas que transitam com perfeição entre o romantismo e a sensualidade.


 Volúpia de Veludo é o terceiro volume da série As Modistas da Loretta Chase. Publicada no Brasil pela editora Arqueiro atualmente essa é uma das séries de romance de época que por aqui nós amamos.

Leoni Noirot é uma das três irmãs donas da Maison Noirot, depois que Madeline e Sophy se casaram com nobres, Leoni é a única irmã que continua se dedicando com por cento ao negócio. Ela ama o que faz e não sabe fazer nada diferente. Simon Fairfax, também conhecido como marquês de Lisburne, retorna a Londres com seu primo que é o novo queridinho da sociedade por ser um poeta que fala direto ao coração das mocinhas. Quando eles se encontram a atração entre eles é inegável, mas Leoni tem como sua prioridade máxima a loja e Simon vê nisso um desafio.

Fiquei um pouco decepcionada com esse livro, não sei se vou conseguir explicar o que aconteceu nessa leitura,pois ao que parece muitas coisas deram errado. A primeira delas foi a própria narrativa, a autora apostou em cortes de cenas que atrapalharam e muito a fluidez da narrativa, parece que você está lendo algo e aí pula para outra coisa e isso me atrapalhou muito, pois parecia que a todo momento eu tinha que me acostumar a novas narrativas.

Em segundo lugar acho que houve um problema de enfoque, muitas vezes lady Gladys tinha uma atenção maior na narrativa que a própria Leoni e isso também me irritou um pouco, as vezes parecia que estava lendo dois livros ao invés de um. 

Quando aos personagens principais, acho que também faltou um pouco de esforço por parte da autora em nos contar melhor sobre Leoni, coisas como seu passado em Paris, seus traumas apenas foram pincelados por cima e eu creio que seriam muito mais benéficos de serem contado para que o leitor pudesse compreender melhor a irmã mais nova das Noirot do que algumas cenas dela nos dias atuais.

Lisburne foi com certeza meu personagem favorito desse livro, ele é divertido, libertino, faz de tudo para proteger a família, tem certos traumas com relação a lady Gladys e a forma com que não consegue acreditar muitas vezes que a prima está se tornando a queridinha da sociedade é quase cômica. Sem falar no criado do marquês que mal aparece, mas é um achado sem tamanho para a narrativa.

As cenas entre Lisburne e Leoni são boas, mas acho que demorou um pouco para que o romance tomasse forma e isso me irritou também, parecia que nunca ia chegar a nada, que eles nunca iam ceder. E sim, há cenas mais quentes entre eles e as irmãs dela aparecem para cuidar da honra da irmã mais nova.

Eu adoro as capas dessa série, são todas no mesmo estilo, elegantes e belas. A diagramação mais uma vez está um arraso, a Arqueiro sempre arrasa nesse quesito. Enfim, não foi dos preferidos, mas fica aí a dica para vocês.




19 comentários:

  1. Humm, mas que estranho esse negócio dos cortes na narrativa heim =/
    Isso pode pesar e muito na hora da leitura mesmo. E esse negócio de dar a impressão de ler dois livros me deixou pé atras agora. Gosto dos livros da autora e essa série é uma que estou doida pra ler, mas bate um receio ver umas coisas assim do livro.
    Parece que o casal tem graça, mas a narrativa tá arrastada....sei não heim...

    ResponderExcluir
  2. Conheci essa série hoje; e li agora a pouco a resenha do segundo livro.
    Pela sinopse eu gostei mais do segundo do que do terceiro.
    Mas fiquei curiosa em conhecer o primo poeta, será que terá um livro para ele?
    Livros de época acabam ficando em segundo plano na minha lista, porém esta série me chamou bastante atenção.
    Pelo que li anteriormente, é normal que a autora dê enfoque em outros personagens além dos principais.
    Realmente é uma falha não aprofundar a história dos protagonistas; no caso de Leoni seria importante conhecê-la melhor para que possamos entender a personalidade dela.
    Gostei da resenha, e da indicação... Espero poder ler em breve. E conhecer Lisburne.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Oi Priscila, eu também amo as capas dessa série, a Arqueiro arrasa nesse quesito e a série em si é muito boa, gosto do enfoque que a autora da a independência das mulheres, que trabalham e gostam de trabalhar, que lutaram muito pra se estabelecer e apesar de ter o primeiro como o meu preferido até agora eu gostei dessa história também. Os pontos que você levantou e que não te agradaram foram bem pontuados e concordo contigo com relação a Gladys ganhar algum destaque durante a trama, mas como eu curti a personagem isso não chegou a me incomodar. Eu curti o livro e achei tua resenha muito boa mesmo não sendo esse um dos teus preferidos *__*

    ResponderExcluir
  4. Oi Pris.
    É uma pena que não desfrutou completamente do livro, e eu te entendo a respeito de pensar que está lendo dois livros ao invés de um, eu estou lendo um que são varias histórias separadas mas ao mesmo tempo interligadas e isso está em deixando agoniada porque quando eu quero saber o que acontece o próximo capitulo é sobre outros personagem e isso está me dando nos nervos kkkk.
    Mas enfim, estou ansiosa para começar as modistas, e espero gostar da série.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  5. Ola!! Que pena que o livro não te cativou inteiramente, que estranho a impressão que vc teve de esta lendo dois livros ao invés de um e que demorou para fluir o romance entre os protagonistas, gosto de livros que não fica de enrolação, realmente capa do livro é belíssima, não conhecia a série, mas gostaria de ler!!!

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Que estranho esses cortes de narrativa..
    A historia é interessante, já tinha lido varias resenhas desse livro e cada um da um ponto positivo e negativo, no momento não li nada dessa autora mas tenho uma imensa vontade de ler essa serie, já que no momento estou louca para navegar em romance de época. A capa do livro é muito bonita e me chama bastante atenção pela forma que foi trabalhada.

    ResponderExcluir
  7. Priscila!
    Não tive oportunidade ainda de ler nada da autora em relação a essa série e acho até interesante o enredo que conta a história das irmãs modistas.
    Uma pena esse livro não ter sido um dos melhores da série, mas ainda é bom, trazendo uma protagonista perfeccista e cheia de amor para dar.
    Uma pena ter cortes na narrativa, atrapalham um pouco a leitura.
    A capa é lindíssima!
    Uma semana de alegrias.
    “A sabedoria é um adorno na prosperidade e um refúgio na adversidade.” (Aristóteles)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE SETEMBRO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
  8. Estou doida para começar essa série!
    Adoro romances de época e várias pessoas falam super bem delas.
    Pena que não foi seu favorito e tenha cortes na leitura, mas ainda quero ler.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Eu adoro romances de época, e gosto muito da escrita dessa autora! Eu ainda não comecei essa série dela, mas sou doida pra ler ela. Essas capas realmente são lindas, e confesso que elas são o que mais me atraem nessa série. É uma pena que esse livro não seja o melhor da série. E acho que esses cortes de cena também iria me incomodar bastante! E é uma pena que a autora não tenha mostrado tanto da Leoni...
    Ainda quero muito ler essa série, mas acho que também não vou gostar muito desse livro =/
    Bjss ^^

    ResponderExcluir
  10. Oi, Priscila!
    Eu amo a escrita da Loretta, e confesso que esses cortes de cenas que você mecionou me surpreendeu bastante... não seria cortes da editora? Geralmente isso acontece com muita frequencia, né?! Para a infelicidade de nós, leitores...
    Confesso que não me agrada quando o romance demora a tomar forma como foi o caso entre Lisburne e Leoni, e provavelmente quando eu for ler Volúpia de veludo isso também me deixará irritada, assim como aconteceu com você...

    ResponderExcluir
  11. Olá pri, tudo bem? As vezes são tantas séries que acabamos meio perdidas sobre algumas. Já li uma resenha sobre este livro, mas confesso que ainda não tive a oportunidade de ler sobre os livros anteriores, me agrada bastante a proposta da série ( romance de época sempre me chama a atenção), o problema é que ando " fugindo" de série novas antes de começar as que já tenho. Mas adorei " espiar"a resenha e ver aqueles pontos que não re agraram tanto a a leitura!

    ResponderExcluir
  12. Acho que as capas de romance de época que a Arqueiro faz ficam, em sua grande maioria, muito lindas e com essa não foi diferente, romances de época não são meus livros favoritos, mas de vez em quando leio algum, essa é uma série que morro de vontade de ler, apesar de não ter ouvido muitas críticas boas quanto a esse livro, mesmo assim tenho vontade de ler.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Que estranho, sempre ouço comentários super positivos acerca dessa história. Mas é bom ver uma opinião diferente, e até concordo que o corte de cenas atrapalha e até é estranho que ela enfoque mais numa personagem qualquer do que na protagonista em si. As capas são lindíssimas e realmente bem elegantes, remetem as moças de épocas antigas.

    ResponderExcluir
  14. Gostei da capa, é bem chamativa. Mas não sou muito fã de romance de época, não é um gênero que me agrade muito. Infelizmente vou deixar essa dica passar... Gostei de sua resenha, é bem detalhada.
    Talvez um dia eu leia, mas por agora não.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  15. Oi Priscila,
    Amo as capas dessa série, são divinas ♥
    Amo romance de época, mas ainda não tive a oportunidade de ler Loretta Chase, pretendo ler um livro da autora ainda esse ano, e desejo toda a série As Modistas na minha estante.
    Amo essas protagonistas destemidas dos romances de época, e pelo jeito as irmãs Noirot são mulheres fortes e corajosas. Que pena que nesse livro a narrativa no geral decepciona um pouco, tanto os personagens em si como a construção do romance pelo jeito são meio fraquinhos :/
    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Oi, Priscila!!
    Também amo essas capas!! A editora Arqueiro capricha é muito em todas as capas!! Ainda não li a série As Modistas, mas como sou apaixonada por livros de época e claro que quero ler esses livros!! Mas fiquei um pouco decepcionada por que a narrativa não foi tão boa assim!!
    Bjoss

    ResponderExcluir
  17. Essa série tem um lugar especial no meu coração haha.
    Sou apaixonada em romances de época e com todo esse mundo que ele envolve com condes, duques e vestidos são maravilhosos.
    Uma pena que este volume não foi tão bom quanto os outros, e toda resenha que vejo sempre tem esse ponto.

    beijos

    ResponderExcluir
  18. Olá Priscila ;)
    Ainda não tive tempo pra ler essa série, mas como romances de época são meus favoritos essa série com certeza está na lista (há muito tempo kkkk)
    Que pena que você não conseguiu se conectar com a personagem, também me sinto confusa quando o(a) autor(a) tenta contar várias histórias no livro e deixa de desenvolver bem o protagonista!
    Ainda quero muito ler a série, mas depois de ler umas críticas sobre esse terceiro livro, vou tentar ir ler com as expectativas mais lá em baixo haha
    Bjos e adorei sua resenha!

    ResponderExcluir
  19. Nossa que pena que você não gostou do livro, eu ainda não li nada da autora, mas estou louca para ler, tenho Príncipe dos canalhas e espero não me decepcionar. Eu não entendi muito bem essa dinâmica ai de cortes que você citou. Eu tentarei dar uma chance a série.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir