Como Se Casar Com Um Marquês - Julia Quinn - Agentes da Coroa #02


Editora: Arqueiro
Páginas: 320

Sinopse: Elizabeth Hotchkiss precisa se casar com um homem rico, e bem rápido. Com três irmãos mais novos para sustentar, ela sabe que não lhe resta outra alternativa. Então, quando encontra o livro Como se casar com um marquês na biblioteca de lady Danbury, para quem trabalha como dama de companhia, ela não pensa duas vezes: coloca o exemplar na bolsa e leva para casa.Incentivada por uma das irmãs, Elizabeth decide encontrar um homem qualquer para praticar as técnicas ensinadas no pequeno manual.É quando surge James Siddons, marquês de Riverdale e sobrinho de lady Danbury, que o convocou para salvá-la de um chantagista. Para realizar a investigação, ele finge ser outra pessoa. E o primeiro nome na sua lista de suspeitos é justamente... Elizabeth Hotchkiss.Intrigado pela atraente jovem com o curioso livrinho de regras, James galantemente se oferece para ajudá-la a conseguir um marido, deixando-a praticar as técnicas com ele. Afinal, quanto mais tempo passar na companhia de Elizabeth, mais perto estará de descobrir se ela é culpada.Mas quando o treinamento se torna perfeito demais, James decide que só há uma regra que vale a pena seguir: que Elizabeth se case com seu marquês.



Como Se Casar Com Um Marquês é o segundo volume da duologia Agentes da Coroa escrito pela Julia Quinn. A publicação brasileira desse livro é da Editora Arqueiro. Por aqui amamos Julia Quinn como quem ama chocolate e doce de leite <3 e com esse livro não poderia ser diferente.

Elizabeth é dama de companhia de Lady Dunburry há cinco anos, a moça é de uma família da baixa aristocracia que ficou pobre após a morte do pai. Para sustentar os quatro irmãos ela se vira como pode, mas percebe que está além do que pode suportar sozinha e que precisa se casar o mais rápido possível e de preferência com um homem rico. E é com esse pensamento que ela encontra o livro Como Se Casar Com Um Marquês de uma tal de Sra. Seeton na biblioteca de Lady Dunburry e decide ler parar conseguir umas dicas. Enquanto isso, o marquês de Riverdale, James para os íntimos, é convocado pela tia, Lady Dunburry, para resolver um mistério em sua propriedade. O rapaz chega disfarçado de administrador e de cara se encanta com a dama de companhia da tia. O único problema é que ele não pensa em se casar e ela precisa desesperadamente de um marido.

Primeiro eu preciso avisar que esse livro é muito melhor que o primeiro, se eu já tinha gostado do primeiro livro esse segundo me conquistou de forma total e definitiva. Eu já amava Lady Dunburry na série dos Bridgertons  e nesse livro ela se mostra mais sagaz, esperta e afrontosa do que nunca.

Elizabeth é uma moça que se ressente por não poder cuidar adequadamente dos irmãos, ela faz o que pode,mas as opções que lhe são concedidas são muito escassas. Ela pode ou se casar ou ser dama de companhia e como sua única opção de casamento até o momento era um velho e cruel fazendeiro da região, ela se mantém solteira, mas as contas estão apertando e ela se vê sem saída. Quando ela decide seguir o livro, logo o leitor percebe que as regras impostas pela sociedade para as moças conquistarem bons casamentos chegavam a ser ridículas e por muitas vezes Elizabeth tinha que mudar seu jeito para segui-las. 

James, por sua vez, se mostra encantador desde o início. Ele é um ótimo sobrinho, ama de coração a tia e já que passou por muita coisa na infância entende o significado de família. Quando ele conhece Elizabeth em um primeiro momento desconfia dela,mas logo depois vê o quanto a moça é leal a sua família e a tia que ele tanto ama.

Lógico que há algumas cenas entre eles que são de morrer de rir, Julia Quinn carrega bastante no humor nessa duologia e nesse livro não seria diferente, os irmãos de Elizabeth e o gato de Lady Dunburry são atrações a parte nesse romance.

As cenas entre James e Elizabeth, por sua vez, são permeadas de uma tensão sexual e de momentos fofos e divertidos entre eles. Ambos sabem o que é sofrer perdas e ter de ficar mais duros por conta disso e ambos sofreram na mão dos pais, por motivos diferentes. Apesar disso, não há muitas cenas hot, mas para quem já lê a autora sabe que ela não carrega muitas cenas desse estilo em suas narrativas.

Eu amo essa capa, uma das mais bonitas que tenho na estante da Julia. A diagramação mais uma vez está bem satisfatória, a editora sabe bem como agradar seus leitores nesse quesito. Enfim, mais um romance de época para a conta.


11 comentários:

  1. Quanto mais eu leio estas resenhas, mas eu percebo que preciso ler romances de época com urgência.
    Que genial esta ideia do manual (queria um pra mim), às vezes é tão necessário.
    Elizabeth parece uma boa personagem, fiquei curiosa pra saber porque ela é a principal suspeita.
    Essas pitadas de humor sempre dão um tom a mais na história.
    Gostei da resenha.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oi Priscila, que maravilha ler essa resenha, já tô cheia de expectativas pra essa história e acho que ela vai me conquistar onde o outro não conseguiu completamente, curti muito a história anterior, mas acho que vou gostar ainda mais dessa. Essa veia cômica que a autora colocou nessa duologia me agrada muito, romances fofos e divertidos sempre figuram entre os meus favoritos e já vou passar ele na frente dos outros pra começar a ler ;)

    ResponderExcluir
  3. Ola!!
    Adoro romances de época, achei bem interessante esse livro encontrado pela Elizabeth, fiquei bem curiosa em conhecer o casal James e Elizabeth, adoro quando o livro tem momento divertido e fofos, amei a capa é realmente maravilhosa, adorei a resenha e quero ter a oportunidade de ler logo esse romance lindo!!

    ResponderExcluir
  4. Tenho muita vontade de ler os livros desta autora, mas como não tenho costume de ler livros do gênero romance de época, acabo deixando passar despercebido. Porém lendo sua resenha me senti muito cativada, querendo ler estas cenas divertidas entre este casal, curiosa para saber o desfecho deste romance, será que eles vão ficar juntos e se casar? Isto, já foi suficiente, para pelos menos incluir o livro entre minha lista de desejados.

    ResponderExcluir
  5. Meu gênero de leitura preferido é romance de época, e os livros de Julia Quinn, simplesmente são ótimos, então não há dúvidas que quero ler este livro, sua resenha só me deixou ainda mais curiosa e ansiosa para conferir as histórias da série Agentes da Coroa.

    ResponderExcluir
  6. Oi Priscila.
    Eu adorei o toque de humor que a autora trouxe nesse livro, isso foi simplesmente encantador e diferente dos demais dela que eu li, Lady Dunburry ganhou meu coração definitivamente nesse livro, com sua sagacidade e astucia, eu adorei desfrutar dos livros e achei uma pena o fato de que a leitura tenha passado tão rápido, enfim, eu adorei desfrutar dessas leituras e espero que você também.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  7. Coisa boa quanto o segundo livro é tão animador.Só tenho lido resenhas positivas sobre os livros,e este gênero esta bem em alta também.Tenho os dois na lista de desejados, estou esperando a Black para poder comprar!

    ResponderExcluir
  8. Priscila!
    Fiquei feliz em saber que esse exemplar é ainda melhor do que o primeiro, mais irreverente e hilário.
    James e Elizabeth devem bem dar o tom do clima sexual entre eles, sem contar com os trechos engraçados.
    Gosto demais da autora.
    Desejo um ótimo final de semana!
    “Saber quando se deve esperar é o grande segredo do sucesso.” (Xavier Maistre)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE OUTUBRO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
  9. A arqueiro sempre arrasa nos romances de época, e a Julia Quinn mais ainda.
    Desde que vi no lançamento, já estou louca para ler.
    Eu amei a premissa e o casal parece ter uma química incrível e super bem humorada.
    Essa capa ficou linda!

    beijos
    She is a Bookaholic

    ResponderExcluir
  10. Oi!
    A capa é linda e foi o que mais me chamou atenção, mas vou deixar a dica passar, pois não gostei do enredo e também não sou muito fã de romance de época. Mas aparenta ser uma incrível historia pra quem gosta deste gênero.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  11. Nunca li nenhum livro da Julia mas não foi por falta de indicações, a escrita dela deve ser muito boa mesmo. Eu particularmente amo romances de época e esse parece ser um belo exemplar bem divertido agradável, espero ter a oportunidade de ler futuramente. Um abraço!

    ResponderExcluir