A Pedra Pagã - Nora Roberts - A Sina dos Sete #03


Editora: Arqueiro
Páginas: 272

Sinopse: Partilhando visões de morte e fogo, os irmãos de sangue Cal, Fox e Gage, e as mulheres ligadas a eles pelo destino, Quinn, Layla e Cybil, não podem ignorar o fato de que o demônio está mais forte do que nunca e que a batalha final pela cidade de Hawkins Hollow está a poucos meses de acontecer.A boa notícia é que eles conseguiram a arma necessária para deter o inimigo ao unir os três pedaços de jaspe-sanguíneo. A má notícia é que ainda não sabem como usá-la e o tempo está se esgotando.Compartilhando o dom de ver o futuro, Cybil e Gage podem descobrir a resposta para esse enigma se trabalharem juntos. Só que, além de não terem nada em comum, os dois se recusam a ceder aos próprios sentimentos. Um jogador profissional como Gage sabe que se entregar a uma mulher como Cybil – com a inteligência, a força e a beleza devastadora dela – pode ser uma aposta muito alta. E qualquer erro de estratégia pode significar a diferença entre o apocalipse e o fim do pesadelo para Hawkins Hollow.Em A Pedra Pagã, Nora Roberts encerra a emocionante trilogia A Sina do Sete, uma história sobre família, amor e amizade que consegue arrancar arrepios e suspiros de seus leitores.




A Pedra Pagã é o terceiro livro da trilogia A Sina dos Sete escrita pela Nora Roberts e publicada no Brasil pela editora Arqueiro. Não é segredo para ninguém que Nora é minha autora favorita da vida, sempre que alguém me pergunta alguma indicação de livro a primeira coisa que eu penso é "vou enviar a palavra da deusa pra ela(e)".

No desfecho da história de Hawkins Hollow temos foco em Gage e Cybil, personagens que até então não se davam muito bem, mas que foram obrigados a trabalhar juntos. Eles tem uma atração um pelo outro que não pode ser controlada e ambos tem visões do futuro. Sangue e morte permeiam esse último capítulo da história dos sete e eles terão de lidar com a possibilidade do que viram vir a se tornar realidade.

Eu estava bem ansiosa para ler esse livro, Gage de longe foi meu mocinho favorito dessa trilogia. Primeiro por que eu amo um mocinho problemático, bad boy e com um passado bem trágico e como ficamos sabendo nos volumes anteriores, ele sofreu durante anos com o pai que o espancava e isso marcou a vida dele. Segundo é que apesar disso, ele encontrou uma família que o acolheu, na verdade duas, e é grato por isso. Ficamos sabendo um pouco mais da mãe de Gage que morreu e o motivo dela ter morrido.

Cybil, por sua vez, não fica atrás em tragédia, ela tem uma mãe destruída pelo suicídio do pai, uma irmã que é um embuste e problemas emocionais profundos por conta disso. Apesar de tudo que passou, ela também encontrou conforto com os amigos, fazendo ioga e meditando para mantes a sanidade.

Enquanto a relação de Gage e Cybil se desenrola o demônio age em torno da cidade, atacando tanto quanto ele pode, então temos muito mais cenas de ação do que nos livros anteriores, o que de certa forma deixou a narrativa mais dinâmica.

Eu gosto dessas capas, mas colocando as três uma do lado da outra parece o mesmo livro. A diagramação da editora Arqueiro como sempre está impecável. Enfim, não canso de dizer para vocês irem ler livros da Nora não é? 


22 comentários:

  1. Apesar de ter um romance no meio da trama, não me interesso por livros assim, aventura, ação, etc, então acho que não leria este. Nunca li nada da autora, mas tenho o box quarteto das noivas em casa, pretendo ler ano que vem!

    ResponderExcluir
  2. Pense numa mulher versátil, essa é Nora, li pouco livros dele e gostei deles, mas volta e meia me pego lendo uma resenha dela de gêneros distintos e acho isso bem legal. Aqui ela entra num gênero que não curto muito mas as resenhas tem despertado minha curiosidade e mesmo mesmo com os protagonistas lutando contra demônios eu tenho ficado interessada em ler, até porque tem romance também. E aqui temos protagonistas com passados complicados e isso também me atrai e fiquei bem feliz de ver um 5 estrelas pro livro final, isso me anima. ;)

    ResponderExcluir
  3. Eu conheço a escrita da Nora, e gosto bastante. Mas eu li um romance chick-lit dela.
    Ainda não tive a oportunidade de conhecer esse lado da Nora, e confesso que não me atrai tanto. Não sou muito fã de mistério, sangue e ação.
    Mas gostei da indicação.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá Priscila! Gostei de como a autora inseriu romance nesse cenário apocalítico, com personagens originais e um passado marcante. Mais uma vez Nora não decepcionou seus fãs. É uma boa indicação para leitura pro ano que se iniciará logo. Beijos

    ResponderExcluir
  5. Ola Adoro os livros da Nora Roberts, mas ainda não tive a oportunidade de ler nenhum dos livros dessa série, adoro livros com ação e personagens complicados, deve ser bem interessante ler Gage e Cybil trabalhando juntos contra o demônio e o romance e a atração do casal surgindo! Adorei a resenha e quero muito ler esse livro.

    ResponderExcluir
  6. Olá! Também sou super fã da escrita da Nora, infelizmente ainda não consegui conferir essa trilogia (o que espero corrigir o mais rápido possível), Gage parece ser um personagem incrível, e com certeza será ótimo acompanhar a construção de seu relacionamento com Cybil, em meio a tantos mistérios e ação.

    ResponderExcluir
  7. Ainda preciso dar um jeito de ler esses livros. Já acabou! Gente do céu.... E tem bastante coisa acontecendo nesse final. Achei legal que tenha bem mais ação que os outros, assim fica mais interessante de ler. Também gosto de um bom mocinho problemático e esse Gage me chamou atenção, espero que tudo dê certo no final. Já vi que tem personagem ali que não acaba tão bem e só dá pra ficar na torcida pra não ser um daqueles que a gente mais se apega né. Precisava ler.

    ResponderExcluir
  8. Concordo num ponto, que a edição e linda, mas quando colocamos os três livros juntos, parecem uma mesma obra. Porém ainda bem que a estória pelo menos e incrível, e nos envolve desde as primeira páginas, fiquei feliz em saber que nesta conclusão teremos muito mais ação, o que deixará a leitura ainda mais dinâmica. De todas as obras da autora, esta trilogia e a que mais me chamou a atenção, e por isto quero muito lê-la.

    ResponderExcluir
  9. Olá, nunca li nada da autora, mas é incrível como a mesma consegue escrever os mais variados gêneros, provando que não fica somente na zona de conforto. Vejo que o desfecho dessa trilogia não deixa a desejar, com bastante desenvolvimento dos personagens e do universo fantástico criado. Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Priscila!
    A Nora Roberts tem uma criatividade estupenda, sempre trazendo um tema principal, aqui no caso a tal maldição, ao tempo que faz o romance ir se desenrolando. E ainda melhor a amizade entre os seis amigos, que fantástico!
    Um final de semana abençoado!
    “Desejo a você e à sua família um Natal de Luz! Abençoado e repleto de alegrias. Boas Festas!” (Priscilla Rodighiero)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA dezembro 3 livros + 2 Kits papelaria, 4 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  11. Oi Priscila!
    Da Nora Roberts eu nunca li nenhum romance sobrenatural, mas gosto bastante da escrita da autora. Li várias resenhas da trilogia e adorei o enredo criado por ela, fiquei curiosa para conhecer o Gage, adoro mocinhos que nos conquistam. A trilogia já está nos meus desejados.
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Eu me pergunto se tem algum estilo de livro algum gênero literário que a nora Roberts não se saia bem amo todos e quaisquer livros dela mas essa série me deixou de cabelo em pé fica impressionada com astúcia da autora ao desenvolver essa história

    ResponderExcluir
  13. Oi Priscila.
    Eu ainda não tive a oportunidade de conhecer a escrita da Nora, porém confesso que tenho bastante curiosidade de ler seus livros.
    Eu também odoro essas capas, são lindas. Em relação a premissa, eu gosto que ela é bem sobrenatural, os personagens me parecem ser bem cativantes e eu quero muito ler esse livro.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  14. Acho algumas histórias da Nora bem parecidas e isso me desmotiva. Li esse ano a trilogia de A Pousada e foi impossível não lembrar de Os Mackade, então quando li sobre A Sina dos Sete já fiquei com um pé atrás pq achei que seria mais uma série como as que citei. Eu amei! Amei Cal e Quinn. Ainda preciso ler os dois últimos livros, mas, como vc, Gage é o mais aguardado. Saber por tudo o que ele já passou, que encontrou carinho e soube o verdadeiro sentido da palavra família onde menos esperava, com as famílias dos amigos, foi muito legal.

    ResponderExcluir
  15. Amo os livros da Nora Roberts, sua escrita é perfeita e fácil de entender. Ja li quase todas as trilogias que ela escreveu e amo. Essa é uma das poucas trilogias que ainda não li, mas em breve vou ler, ja esta nos meus objetivos.

    ResponderExcluir
  16. Nunca li nada da Nora Roberts, e até agora nenhum livro me despertou tanta curiosidade a esse ponto. Pelo o que entendi, este livro envolve terror, suspense, magia e um pouco de fantasia, além do romance claro. É um mix legal. Em um futuro, quem sabe, não darei uma chance a autora? Me parece ser o melhor livro da autora até agora (para mim), de acordo com a resenha.

    ResponderExcluir
  17. Oi Priscila...
    Ainda não li nada da Nora Roberts, mas sempre vejo comentários muito positivos sobre a autora. Amei a premissa dessa série, e acredito que a leitura dela será o meu primeiro contato com a autora... Espero poder começar a leitura dessa série em breve...
    Beijinhos...

    ResponderExcluir
  18. Como não li a trilogia fiquei meio confusa na sinopse, mas com a resenha pude entender melhor. Acho legal quando os dois personagens passaram por coisas pesadas, mas mesmo assim estão ali tentando serem melhores, com eles mesmo e com o outro. Mas sinceramente não sou muito fã desse gênero, que mistura fantasia com sobrenatural. Já li dois livros da Nora (do Quarteto de Noivas) e achei bem legal, mas essa trilogia não me chamou atenção.

    ResponderExcluir
  19. Olá! Nunca li nada da Nora Roberts e achei que ela só escrevesse aqueles romances meio hot. Não sabia que a autora também escreve ficção com elementos de fantasia e suspense. Fiquei interessada, já que pelas obras mais românticas eu não tenho muito interesse. Assim posso enfim conhecer o trabalho dela. Achei a premissa interessante, vou tentar procurar pela trilogia desde o início.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  20. Olá Priscila ;)
    Não li muitos livros da Nora, mas tenho muita vontade de ler essa série Sina dos Sete, pois gosto muito da premissa dos livros.
    Gosto dessa escrita mais misteriosa dela, e fiquei bem curiosa para saber mais sobre os acontecimentos do livro e sobre esse demônio!
    Bjos

    ResponderExcluir
  21. Oi, Priscila!
    Adoro os livros da Nora Roberts, e esse último livro da trilogia fecha com chave de ouro esses livros com estórias sobrenatural da autora!
    Bjoss

    ResponderExcluir
  22. Ainda não li nada da Nora, acredita? kkk Pois é!
    Mas gostei muito da sua resenha, apesar de que não compreendi muito bem todo o cenário por não conhecer tanto a história né.
    Porém,quero ler essa série sim.
    Ainda mais que tem todo um mundo fantástico inserido, já me deixa curiosíssima, amoooo kkkkkk
    bjsss

    ResponderExcluir