Um Sedutor Sem Coração-Lisa Kleypas - Os Ravenels #01



Editora: Arqueiro
Páginas: 329
Classificação: 

Sinopse: Devon Ravenel, o libertino mais maliciosamente charmoso de Londres, acabou de herdar um condado. Só que a nova posição de poder traz muitas responsabilidades indesejadas – e algumas surpresas.A propriedade está afundada em dívidas e as três inocentes irmãs mais novas do antigo conde ainda estão ocupando a casa. Junto com elas vive Kathleen, a bela e jovem viúva, dona de uma inteligência e uma determinação que só se comparam às do próprio Devon.Assim que o conhece, Kathleen percebe que não deve confiar em um cafajeste como ele. Mas a ardente atração que logo nasce entre os dois é impossível de negar.Ao perceber que está sucumbindo à sedução habilmente orquestrada por Devon, ela se vê diante de um dilema: será que deve entregar o coração ao homem mais perigoso que já conheceu?Um sedutor sem coração inaugura a coleção Os Ravenels com uma narrativa elegante, romântica e voluptuosa que fará você prender o fôlego até o final.




Um Sedutor Sem Coração é o primeiro livro da série Os Ravenels da autora Lisa Kleypas publicado pela Editora Arqueiro.  Já vou começar dizendo que a sinopse do livro não o faz jus, eu amo romance de época, leio até se a sinopse for “meio ruim”, mas nesse caso especificamente, definitivamente, o livro traz ao leitor muito mais surpresas do que podemos esperar de um romance de época.

A história começa com Devon Ravenel recebendo um condado de herança por ocasião da morte de seu primo, ocorre que o novo Conde corre léguas de responsabilidade, quer seguir vivendo na boemia de todo dia, mas até para se livrar de responsabilidades se exige um pouco de esforço e ele vai precisar ir ao condado para analisar sua situação e colocá-lo a venda.  Acontece que a chegada do Conde no Priorado de Eversby vai trazer muitas novidades, ele vai se deparar com Kathleen, a viúva de seu primo, que tem aquele lugar como seu lar. Mora juntamente com as 3 irmãs de seu falecido marido na propriedade e apesar da pouca idade, tomou para si a responsabilidade de cuidar delas. Claro que a chegada do Conde vai abalar as estruturas de Kathleen, a preocupação de como será a sua vida dali pra frente se torna uma incógnita, já que o novo Conde só tem um desejo, se livrar daquela propriedade, sem pensar no que isso impactará para a vida de Kathleen e de suas primas, sem falar nos arrendatários que dependem daquele lugar para viver.

Quando Devon se apropria da real situação do Priorado de Eversby, ele percebe que a realidade é bem pior do que ele imaginava, a propriedade está afundada em dívidas e ele, que nunca na vida teve responsabilidade com nada, se ver envolvo em uma situação completamente adversa, onde ele tem o poder de decidir como será a vida daquelas pessoas que dependem daquela propriedade para viver. 

O envolvimento entre Kathleen e Devon acontece meio que de forma imediata, apesar das “ressalvas” que um tem com o outro, a atração é meio que instantânea, mas os dois tem muito a considerar para se permitirem a alguma coisa, Kathleen está de luto, é responsável pelas 3 cunhadas, não tem família, precisa desesperadamente de um porto seguro, precisa de uma direção na sua vida e não vê futuro algum nesse relacionamento com Devon, dada a fama de libertino que o primo do falecido marido tem. É bem legal o desenrolar desse romance, vê os personagens se permitindo, vê a história de vida deles sendo contada ao longo do livro, e os fatos meio que justificam suas atitudes deles no presente, entendemos os receios, enfim, shippei mesmo!

Mas eu acho que o livro é bem mais do que o romance em si, os personagens secundários são interessantíssimos, até porque sabemos que eles serão os personagens principais dos próximos livros, pelos quais, já estamos ansiosas, não é mesmo?  Esses mesmos personagens têm suas histórias bem trabalhadas no livro, deixando o leitor ansioso para saber como vai ser o desfecho das suas próprias histórias...

Recomendo demais a leitura e a única coisa que me deixou triste foi a data de lançamento do próximo livro #AntecipaArqueiro hahahahahah

Bjos e até a próxima!

17 comentários:

  1. Oi!
    Dessa vez me parece que a Lisa trouxe uma série mais bem elaborada, com os protagonistas de temperamento forte e impulsivo, juntando além do romance, uma verdadeira aula de história sobre a revolução industrial e várias outras subtramas que devem prender do início ao final.
    “Os lírios não bastam. As leis não nascem das flores. Meu nome é luta, e escreve-se na história.” (Luciana Maria Tico-tico)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA MARÇO: 3 livros + vários kits, 5 ganhadores, participem!
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  2. Olá.
    Eu amo as histórias da Lisa Kleypas, então com certeza quero ler essa nova série.
    O romance entre Kathleen e Devon parece ser muito bonito de se acompanhar. Adoro ver como os personagens se permitem gostar um do outro e depois leva mais um tempo para admitir isso rs
    Achei interessante a autora já trabalhar o romance do segundo casal no primeiro livro. Isso com certeza deixa o leitor ansioso para o lançamento do próximo livro rs
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Olá!

    Acho que de certa forma, a Kathleen chegou pra mudar os aspectos da vida de libertino do Devon, como ele a encara, seus pensamentos...

    Acredito que a Kathleen e as garotas trouxe responsabilidade para o Devon (bem como afeição), para que ele pudesse rever seus conceitos e não pensar somente nele.

    E por fim, se render!

    ResponderExcluir
  4. Mais um dela que quero muito ler. E adorei esses personagens. A Kathleen parece uma mocinha um tanto diferente pela situação dela, experiência e tal. E o Devon é daqueles personagens que vão mudando, que no começo a gente pode até não gostar muito pelas atitudes e jeito de pensar, mas ao longo da trama dá pra ver uma mudança. Esses dois juntos deve ter ficado bem legal. Fácil de torcer por eles, pelo romance. Adorei ^^

    ResponderExcluir
  5. Ahhh eu estou muito ansiosa pra ler esse livro!
    Eu gostei bastante dos livros que li da Lisa e tenho certeza que esse não será diferente. Apesar de não ter lido ainda o livro, entendo a parte do livro ser construído também pelos personagens secundários. Assim que eu senti quando li a série as quatro estações do amor. Eu li o primeiro e me apaixonei pelas meninas, fiquei super ansiosa pra ver os demais e o que ia acontecer.
    Quero logo ler!
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Normalmente tratando de romances de época e normalmente nem leio a sinopse se eu conheço outra e conheço a editora Ela já me interesso logo em ler o livro mas só agora que eu parei para ver do que esse livro se tratava e fiquei encantada com a sinopse e a minha vontade de ler ele só aumentou eu adoro os livros da Lisa kleypas tão com certeza vou ler esse livro

    ResponderExcluir
  7. Vou ser sincero que gosto de ler um romance histórico as vezes, pois mesmo tendo aquela melaçada eles mostram um pouco da cultura da época, locais e tudo mais.
    Acho interessante que tenha personagens secundários que são bem trabalhados e bem desenvolvidos, acho isso muito importante para poder desenvolver o restante da série.

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Sou fã de romance de época e a Lisa Kleypas ganhou o posto de umas das minhas autoras favoitas do gênero. Então, é claro que fiquei empolgada quando vi que seria publicado uma nova série da autora (amei as capas!). Adorei saber que esse primeiro livro vai muito além do que é proposto na sinopse, que traz muitas surpresas que tornam a leitura ainda mais apaixonante. Estou ansiosa para conhecer esse casal, confesso que adoro um bom libertino kkk mas eu vou aguardar a publicação de toda a série para ler de uma vez só.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Aiii, eu amo essas séries que tem os personagens principais como secundários em outros livros haha
    Sabe que ainda não li nada dessa autora? ;$
    Todos falam bem dela, quase todos os livros me interessam, mas até agora não comprei nenhum =/
    Este parece ser ótimo também... parece fugir apenas do romance, por conta deste luto dos personagens e tal né?
    Fiquei curiosa e com certeza vou anotar para ler esse logo!

    ResponderExcluir
  10. Eu amo os livros da Lisa Kleypas, mas confesso que a história de Devon e Kathleen não despertou tanto o meu interesse, fiquei mais curiosa para conhecer mais sobre as histórias dos personagens secundários, contudo, como é um livro da Lisa vou ler sim, e quem sabe os outros livros da série acabe me deixando mais empolgada?!...
    Abraços.

    ResponderExcluir
  11. Olá! Também gosto muito da escrita da Lisa Kleypas, esse livro é cheio de histórias, Kathleen e Devon vão construindo seu relacionamento aos poucos, o que é ótimo, pois tornou o romance mais tangível, realmente os personagens secundários são super importantes, e enriqueceram bastante o livro, super concordo que a Arqueiro deveria antecipar o próximo livro, ansiosa para lê-lo.

    ResponderExcluir
  12. A capa desse livro está uma gracinha, ficou bem meiga. A Arqueiro fez um ótimo trabalho. Apesar de ainda não ter lido nenhum romance de época algumas vezes acabo achando as sinopses bem parecidas. A Kathleen parece ser uma mulher bem bacana e que se preocupa com as suas cunhadas e funcionários da casa. O romance entre os dois parece ser bem fofo, mas acho um pouco estranho ele ser primo do falecido marido dela. Não sei se é um livro que eu leria agora, provavelmente não, mas um dia quem sabe eu não dou uma chance, né?

    ResponderExcluir
  13. Lisa Kleypas é maravilhosa! Os mocinhos, geralmente, não querem as responsabilidades que um título acarreta. De certo modo, Kathleen veio pra mudar isso, mudar a visão do mocinho sobre a responsabilidade que pode ser um bem maior. Ser responsável não somente por coisas, mas, tbm, por pessoas.

    ResponderExcluir
  14. Sou apaixonada por romances de época, estou encantada e louca pra ler esse. Pelas resenhas que já li, e agora mais com a sua estou ainda mais ansiosa, ruim mesmo é ler e esperar pelos próximos.
    Adoro quando os mocinhos são libertinos e adoro mais ainda ver eles mudando... já vi também que os personagens secundários tem vez e voz né, o que sód eixa a espera pelos próximos ainda pior.

    ResponderExcluir
  15. Que lindo!
    Parece muito fofo, ainda mais esse relacionamento com tanto drama familiar e tal.
    Achei a capa maravilhosa também!
    Ele parece falar sobre recomeços em meio a dor também.
    Fiquei com vontade de ler pra já!
    Quero muito ler um livro da Lisa Kleypas, ainda não li nada dela! rs
    bjs

    ResponderExcluir
  16. Oi!!
    Adoro ler romances de época, sem dúvida é um dos meus gêneros favoritos e também curto bastante os livros da Lisa Kleypas, sem dúvida quero muito ler essa série!!
    Bjos

    ResponderExcluir
  17. Estou na vibe de ser a louca dos romances de época e assim que bati o olho nessa capa e nesse titulo coloquei o livro direto na minha wish-list. Conheci a escrita da autora lendo os Hathaways e fiquei completamente apaixonada por sua escrita. Estou louca para poder ler logo esse livro, consegui adquiri-lo na promoção que a Saraiva fez no dia da mulher e estou ansiosa pela chegada dele.

    ResponderExcluir