Lucian - Bethany - Kriss - Filthy Marcellos #01

ditora: 3DEA
Páginas: 318
Classificação:

Sinopse: Lucian Marcello está ciente das expectativas que o seguiram como o filho mais velho de um dos Dons mais infames da Cosa Nostra da América do Norte. Família em seu mundo é mais do que sangue e compartilhamento de um sobrenome. É honra, respeito, negócios e vida. Ser Capo é apenas um trampolim até que seja hora de ele assumir o papel de Subchefe, mas uma chance de encontro com ela poderia ser a única coisa para a qual ele arriscaria tudo.Ela é exatamente o que ele não sabia que estava procurando.
Jordyn Reese gasta seu tempo tentando ficar sob o radar de um homem que não pensaria duas vezes em matá-la. Desconfortavelmente afiliada a uma gangue MC perigosa, sua vida é dominada pelos homens que a cercam e seu futuro depende unicamente de quão útil ela pode ser para eles. A última coisa que ela precisa é que um mafioso ganhe sua atenção a tornando ainda mais indesejada no clube.Ele é tudo o que ela deve ficar longe, mas não pode.
Notoriamente feroz quando se trata de obter o que quer, Lucian não medirá esforços para que o alvo nas costas de Jordyn desapareça. Mas às vezes as piores ameaças são as que você não pode ver até que seja tarde demais. A verdade por trás da história de Lucian está prestes a ocupar o centro das atenções. E isso pode salvá-lo ... ou matá-lo.Este mundo deixa todos um pouco imundo.
* * *
Para os “Imorais” Marcellos, a Cosa Nostra não é apenas uma escolha de regime e rotina, é uma cultura. Nascidos como realeza da máfia, os irmãos Marcellos foram criados com as crenças e regras do que significava ser um príncipe mafioso. Isso é para a vida. Os seus status são considerados certos por direito. Eles sempre serão essas pessoas. Eles sempre serão Marcellos.



Lucian é o primeiro livro da trilogia Filthy Marcellos e foi meu primeiro contato com a autora Bethany-Kriss. Quando a editora anunciou a publicação desse livro eu fiquei logo de olho por que achei a capa interessante e eu adoro livros de mafioso, então aproveitei que ele estava disponível no Kindle Unlimited e corri para ler.

Lucian Marcello foi adotado, depois da morte de seus pais, ainda criança por Anthony Marcello, que era melhor amigo de seu pai. Ele viveu uma vida cercado de carinho numa família nada convencional, já que Anthony é o chefe da Casa Nostra, a máfia italiana. Mesmo vivendo uma vida confortável, tendo poder e dinheiro Lucian ainda é atormentado por pesadelos sobre a época que ficou na rua se escondendo das pessoas que mataram seu pai. Quando sua mãe pede que ele vá se confessar, Lucian acaba encontrando uma mulher que mexe com ele no primeiro olhar. 

Jordyn não teve uma vida fácil, sua mãe era viciada em drogas e se juntou a um clube de motoqueiros quando ela era bem pequena, depois da morte da mãe o presidente do MC quer descontar a estranha obsessão que tinha com sua mãe nela, ela consegue fugir dele sendo a old Lady de um membro até que ele é morto e ela é obrigada a se tornar propriedade do clube. 

Quando o MC se torna mais violento que o normal, atingindo civis em frente ao restaurante dos Marcellos, Lucian vai com seus irmãos e o pai dar um recado mais do que merecido e ao chegar lá reencontra a mulher que não consegue tirar da cabeça.

Preciso dizer antes de mais nada que esse livro é genial! Gente mafiosos vs. MC é quase um Batman vs. Superman literário. A escrita da Bethany - Kriss é muito boa, a família Marcello não é nada como as famílias de mafiosos usuais. Os homens são bem criados, cuidam e respeitam suas mulheres. Sem falar que a mãe de Lucian, Cecelia é quem comanda a família dentro de casa.

Lucian é um mocinho malvadão na medida certa e cavalheiro na medida certa. Ele se apaixona a primeira vista e fará de tudo para proteger Jordyn. Ele dará o mundo se ela pedir e vai mima-la até não poder mais.

Jordyn, por sua vez, é aquela mocinha sofrida que a gente adora que encontre o mocinho superprotetor. Apesar disso, ela não é daquelas mocinhas bobas e submissas, ela sabe muito bem como argumentar e não se deixa abater por Lucian.

O romance dos dois é bem desenvolvido, apesar de ser amor a primeira vista, o relacionamento deles não começa de repente, eles vão se conhecendo pouco a pouco até se envolverem de forma romântica. As cenas mais quentes entre eles são maravilhosas, nada exageradas, bem escritas e na medida certa.

Como falei lá em cima eu adorei essa capa, achei ela bem misteriosa. A diagramação está ok, como li em e-book não achei nada demais para comentar. Enfim, mais do que recomendado.

11 comentários:

  1. Parece legal pela ideia e confesso que todo esse mundo de violência e o drama dos dois é forte e me chamou mais atenção. A garota tem uma ida sofrida desde pequena e gostei desse jeito mocinho malvado do cara. Parece interessante por tudo que os dois vão acabar passando por causa da vida do cara, a situação em que eles se conhecem e tal. Já imagino muito. E a escrita parece boa, então deve ser um daqueles que a gente lê fácil.
    Acho que iria gostar ^^

    ResponderExcluir
  2. Oi Priscila,
    Acho que nunca li nenhum livro com essa temática. Mas fiquei com vontade. Confesso que achei a sinopse meio confusa, mas a sua resenha me ajudou.

    ResponderExcluir
  3. Olá, Priscila!
    Amei a sua resenha parabéns!
    Quero muito ler esse livro e ainda é uma série, gostei muito sobre os mafiosos ser educados, bem criados e respeitam suas mulheres, que em casa quem manda é a mulher, kkk.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Oi Priscila,
    Ainda não li um livro com mafiosos como personagens principais, só como pano de fundo, então, fiquei curiosa para ler esse livro resenhado. A história parece ser bem construída, com um casal que conquista. O que mais chamou a minha atenção é a família do protagonista, que foge dos clichês das famílias mafiosas. São homens honrados e respeitosos. O Lucian parece ser um personagem cativante, com suas contradições trabalhadas sem exageros. Gostei de saber que o romance foi bem desenvolvido, com cenas quentes na medida certa.
    Vou aguardar a resenha dos demais livros da trilogia.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Ai que história envolvente, a premissa é incrível e fiquei aqui imaginado esses mafiosos em ação. Adoro esses romances em que os personagens são praticamente impossíveis de ficarem juntos mas de alguma forma fazem da certo. Com certeza vou ler!

    ResponderExcluir
  6. Oi, Priscila.

    O que eu mais gosto em uma personagem, é que mesmo diante das dificuldades impostas pela vida, ela ainda assim, é muito forte, como a Jordyn. E, também como o Lucian, que mesmo que não da maneira correta, teve sua vida mudada.

    ResponderExcluir
  7. Não conhecia o livro, mas como também amo livros de mafiosos corri pra ler a resenha, Gostei da capa, tá bem estilo mafioso, mas acho que podia ser melhor trabalhada. Realmente colocar Mafiosos x MC juntos é praticamente um Batman vs. Superman, hahaha, amei a referência. a gente sempre vê os mafiosos nos livros como aqueles caras que podem ter quantas mulheres quiser, que a mulher não pode ter opinião, tem que ser submissa e tal e é bom ver que a autora deu uma posição melhor nesse sentido, o mocinho apesar de ser fodão ainda vai fazer de tudo por ela, gostei, fiquei muito curiosa, já vou na amazon procurar.

    ResponderExcluir
  8. Priscila!
    Que super resenha, hein? Só por ela dá para sentir que o livro é muito bom e cativante.
    Fiquei imaginando toda história de vida de Jordyan e Lucian, cada um a seu modo.
    Ela por todo sofrimento que passou e por estar em uma situação que precisa de proteção.
    Ele pela ‘sorte’ de ser o mais velho em uma família abastada, mesmo sendo ‘adotado’ .
    E o encontro dos dois…
    Deve ser um daqueles romances que nem temos vontade de deixar até terminar.
    Uma semana cheia de luz e paz!
    “Sou uma pessoa insegura, indecisa, sem rumo na vida, sem leme para me guiar: na verdade não sei o que fazer comigo.” (Clarice Lispector)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA JUNHO - 5 GANHADORES
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  9. Olá Priscila,
    Ainda não li nada da autora, mas pela sinopse e a sua resenha fiquei curiosa pra conhecer o trabalho dela.
    Já li livros com MCs, mas nada envolvendo mafia.
    Gostei de saber que o romance do livro se desenvolve aos poucos e não é algo que acontece de uma página pra outra.
    Espero ter a oportunidade de ler.

    ResponderExcluir
  10. Olá! Achei super pertinente a comparação entre eles, ficou simplesmente perfeita e torna ainda mais difícil escolher o meu lado (se bem que nessa, eu fico com os mafiosos). Adoro livros de mafiosos, mc’s, por isso durante a leitura vou me sentir mais que familiarizada e Lucian já ganhou meu coração com esse jeito malvadão de ser, mas doce quando necessário.

    ResponderExcluir
  11. Oi, Priscila!!
    Gosto muito de livros onde os mocinhos são mafiosos e ao mesmo tempo sabem tratar com carinho e respeito a mocinha da história. Fiquei bem empolgada com livro é vou querer adquirir esse livro.
    Bjoss

    ResponderExcluir