A magia do inverno - Tahereh Mafi

Editora: Universo dos Livros
Páginas: 288
Classificação: 

Embarque em uma incrível jornada pela terra de Whichwood nessa impressionante continuação do aclamado best-seller Além da Magia, de Tahereh Mafi! Nossa história começa em uma noite congelante…Laylee mal consegue se lembrar dos tempos felizes antes de sua mãe morrer. Antes de seu pai, levado pela dor, perder o juízo (e o caminho), e ela ser abandonada como a única mordeshoor restante na cidade de Whichwood, destinada a passar seus dias esfregando a pele e a alma dos defuntos nos preparativos para suas vidas após a morte. Ficou fácil esquecer e ainda mais fácil ignorar não apenas sua crescente solidão, mas a forma como suas mãos exaustas, assim como seus cabelos, estão se enrijecendo e se tornando acinzentados. No entanto, alguns estranhos conhecidos irão aparecer e o mundo de Laylee irá virar de ponta-cabeça enquanto ela redescobre a magia, a cor e o poder de cura da amizade.Exuberante e encantadora, a aclamada TaherehMafi tece uma nova aventura mágica neste mundo persa fantasiosamente sombrio, trazendo ao público novamente Alice Queensmeadow e Oliver Newbanks, protagonistas de Além da magia. 

A magia do inverno é o segundo livro da série Futhermore da autora Tahereh Mafi publicado pela Universo dos Livros. Se você não leu o primeiro da série, assim como eu, não tem problema. Temos algumas referências e personagens do primeiro livro, mas como são livros independentes, a autora tem o cuidado de se antecipar diante de possíveis perguntas e já vai explicando tudo no decorrer da história.
Mas vamos ao que interessa! Laylee é uma menina de 13 anos que mora sozinha após a morte da mãe e o pai ter perdido parte da consciência diante do sofrimento em um castelo no reino de Whichwood. Sozinha, sem apoio de ninguém, se viu obrigada a dar continuidade ao trabalho da família, que era cuidar dos mortos.
A magia que corria em suas veias a tornava por sangue uma mordeshoor e, quando os mortos eram entregues à sua porta, não lhe restava escolha senão acrescentá-los à pilha.
Só que todo esse processo com diversos corpos para uma garota de 13 anos cuidar sozinha teve um custo e um custo alto. Vivendo apenas em função de seu trabalho, sem muitas vezes se alimentar e dormir direito, e sem remuneração adequadamente de forma que ela conseguisse bancar gastos básicos, Laylee estava morrendo.
Tinha sido difícil o bastante ver seus olhos se transformarem, e ainda mais devastador quando seus cabelos também começaram a mudar de cor, mas isso – isso de fato era terrível. Laylee não tinha como saber o nível de danos que havia infligido a seu próprio corpo, mas sabia o suficiente para entender uma coisa: estava irrevogavelmente doente, de dentro para fora, e não tinha ideia do que fazer.
Neste momento temos a interferência dos personagens do primeiro livro, Alice e Oliver. Alice, após participar de uma cerimônia mágica chamada Entrega no reino de Ferenwood recebe o desafio de ajudar alguém. Esse alguém é Laylee. E Oliver, sendo muito amigo de Alice, resolve ajudá-la nessa empreitada.
O livro tem um início um pouco arrastado e confesso que foi difícil ter paciência para ler os detalhes que a Tahereh queria mostrar, mas no final foi muito importante pra história. A personagem principal tem um desenvolvimento belíssimo de acompanhar. Vemos uma menina totalmente desacreditada da vida no meio de tanta tristeza, morte e solidão desabrochar para uma pessoa completamente diferente quando recebe atenção, apoio e acima de tudo, a certeza de que tem alguém para contar. 
Diferente do primeiro livro em que Brunninha disse aqui que tinha sentido falta de uma conclusão, nesse a sensação foi de que ela não deixou nenhuma ponta solta e ainda deu uma espécie de "spoiler" do futuro bem antes do final do livro, então fiquem atentos a história. 
Pra quem gosta desse tipo de história, fica a dica!  

15 comentários:

  1. Nossa, mas dá pra ler sem ter lido o outro? Não sabia disso! Gostei daquele primeiro, a ideia me interessou e fiquei com vontade de ler. E mais uma vez parece ter uma trama bem interessante. A garota tão jovem e as coisas que tem que fazer, as dificuldades e o rumo que a vida dela está tomando já deixam a gente curioso e torcendo para as coisas melhorarem. Ver essa interferência dos outros personagens do outro livro fica interessante quando se lê os dois na ordem também, acho. Uma coisa que liga a outra sempre me chama atenção. Pode ser um pouco demorado pra pegar ritmo mas gostei da trama, leria. Tá na lista pra ler.

    ResponderExcluir
  2. Não conhecia essa história, a premissa me agradou bastante apesar de me parecer um livro triste ver o crescimento da personagem talvez seja o ponto alto dessa leitura.
    Ta na minha lista e vou dar uma olhada na resenha do primeiro também.

    ResponderExcluir
  3. Eu não sabia que o primeiro livro tinha continuação e muito menos que era com essa capa que na minha opinião não tem muito semelhança com a primeira. Mas que bom que são livros que podem ser lidos separadamente porque eu ainda nem peguei no primeiro volume. Pontos para o livro que deu ao leitor uma finalização melhor que o primeiro, nada mais frustante que ler um não ter um final que atenda as expectativas. Obrigada pela resenha.

    ResponderExcluir
  4. Andressa!
    Não li ainda nehum livro dessa série, mas amo a autora por causa de outra série de ficção dela.
    Como gosto dos detalhes, tenho certeza que não acharei o início do livro arrastado e fico contente em ver que as explicações são necessárias para a continuidade da leitura.
    Bom ver que não é preciso ter lido o primeiro para poder ler esse.
    “Se você realmente quer algo na vida, tem que lutar por isso.” (Homer Simpson)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA JULHO - 5 GANHADORES - BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  5. Olá Andressa!
    Ainda não tive oportunidade de ler os livros que já se encontram na minha listinha...
    O enredo parece bacana e pra quem curto o gênero parece mto agradável a leitura, espero ler em breve.
    Amei essa capa desde que bati o olho!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bom?
    Gostei da resenha, e gente a capa desse livro é muito linda, amei, porém admito que não fiquei interessada em ler o livro, não sei porque ele não me chamou muita atenção, pois eu amo livros que envolvem magia, amo fantasia, quem sabe eu mude de ideia mais para frente não é mesmo. Eu ainda não li nenhum livro da Tahereh, mas gostaria de ler os livros da autora.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  7. Já li algumas resenhas dos dois livros e adorei muito tudo que li. Mais voltado para o público juvenil, a autora(que eu só conhecia pela saga Estilhaça-me) conseguiu criar um mundo único, onde os personagens não só tem intensidade, mas também a magia, que pelo que entendi, não está somente ligada a poderes e tals, mas ao simples gesto do acolhimento que ela recebe.
    As capas dos dois livros, apesar de serem bem parecidas, são lindíssimas e espero poder conferir ambos.
    Beijo

    ResponderExcluir
  8. Oi Andressa,
    Bem legal o livro, e gostei de acrescentar os personagens da história anterior para dar sentido a série. Percebi também que parece ter um ar um pouco sombrio por conta da profissão que a menina leva, eu espero que a magia esteja mais freqüente porque é algo que gosto!
    Parece ser daqueles que lemos bem rápido...
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Olá, Andressa
    Ainda não li nenhum livro dessa série, mas já li algumas resenhas.
    Fiquei muito interessada em ler, tenho muita curiosidade para ver a transformação que a personagem Laylee passa depois que recebe ajuda de Alice e Oliver.
    Gostei de saber que pode ler os livros fora da ordem.
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Olá! As capas desses livros são muito bonitas, gostei que apesar de ser o livro dois, não é necessário ler o primeiro, a história parece ser cheia de emoções, e Laylee uma personagem bem sofrida, e ainda tão jovem. Fiquei curiosa para saber como Alice e Oliver vão ajuda-la nessa sua jornada.

    ResponderExcluir
  11. Eu li a resenha do primeiro livro, e embora tenha achado legal, não tenho muito interesse de ler, assim como com esse segundo livro. Acho que por ter essa temática e por ser um livro infanto juvenil, com personagens mais jovens, não me chama atenção, não é algo que eu leria nesse momento. Adorei a capa, está maravilhosa, teria na minha estante só por isso.

    ResponderExcluir
  12. Não conhecia o livro, mas gosto bastante da escrita da autora.
    Achei a trama encantadora, mas não é algo que eu leria. É tão gostoso podermos acompanhar o desenvolvimento da personagem.
    A edição ta maravilhosa, eu amei!

    beijinhos
    She is a Bookaholic

    ResponderExcluir
  13. Oi, Andressa!
    Essa é a primeira resenha que leio sobre esse livro. Achei um livro bem diferente mas bem interessante e bom saber que não é necessário ler o primeiro livro para entender esse segundo livro.
    Bjoss

    ResponderExcluir
  14. Nossa, que história diferente, essa da Laylee, fiquei bastante curiosa.
    Parece ser original e fala sobre amizade, amor e ajuda.
    Empatia também.
    Quero ler o anterior a ele também.
    bjs

    ResponderExcluir
  15. Eu não sou muito fã de fantasia e nunca li nada da Tahereh Mafi. Ainda não tinha visto nenhuma resenha sobre esse livro e apesar de não ser um dos meus gêneros favoritos preciso dizer que achei a premissa interessante. Uma das razões disso foi que a protagonista é bem jovem, o que é algo que eu gosto bastante. E a outra é que o cenário é bem diferente.

    ResponderExcluir