Crítica - O Inferno de Gabriel (PassionFlix)

Onde Ver: Passionflix
Tempo: 2h e 4m
RoteiroChuck Girard, Diana Shoykhet
ProduçãoMichael Buttiglieri, Tosca Musk
DireçãoTosca Musk

Sinopse: Julianne Mitchell (Melanie Zanetti), uma estudante de Mestrado em Literatura Italiana que se muda para Toronto, no Canadá, onde inicia os estudos e busca a orientação do Professor Doutor Gabriel Emerson (Giulio Berruti). Entretanto, Dr. Emerson não parece nem um pouco inclinado a ajudá-la, deixando claro seu desprezo pela jovem. Porém, como é possível imaginar, rapidamente essa repulsa se transforma em atração, e é aí que a coisa toda entre eles pega fogo.


Julia Mitchell se mudou para Toronto para fazer seu Mestrado com o renomado especialista em Dante, Gabriel Emerson. O professor Emerson não é um homem fácil. Sofisticado e arrogante, Gabriel é um homem que acha que pode controlar a tudo e a todos. Quando Julia entra em seu programa de pós-graduação exerce sobre ele uma atração que não consegue explicar. O problema é que parece que Gabriel e Julia estavam na vida um do outro bem antes desse encontro em Toronto.


Como boa amante de adaptações, assim que o filme estreou eu já corri para assistir. A Passionflix é conhecida por realizar adaptações que são bem fiéis aos livros, o que deixa os fãs enlouquecidos. E dessa vez não poderia ser diferente.



Giulio Berruti e Melanie Zanetti, deram vida a Gabriel e Julia de maneira bem real. Melanie conseguiu captar todas as expressões de apaixonada sofrida de Julia e Giulio conseguiu trazer toda a aura enigmática e taciturna de Gabriel. A química entre os dois salta a tela e sinceramente? Acho que não vejo uma química assim há anos.


Claro que não podemos comparar essa adaptação com adaptações milionárias e temos sim alguns probleminhas de corte e cenas que são desnecessárias, mas para um filme de baixo orçamento, creio que os produtores e a diretora fizeram um bom trabalho.

Se você gostou dos livros, vai na fé para ver a adaptação. Para assistir a essa adaptação você precisa de uma conta na PassionFlix, que é tipo uma Netflix. 

0 comentários:

Deixe seu comentário