O Silêncio das Águas - Brittainy C. Cherry - Elementos #03

Editora: Record
Páginas: 336

Sinopse: Da autora de O ar que ele respira e A chama dentro de nós, uma história de amor que precisará vencer todos os obstáculos Quando a pequena Maggie May presencia uma cena terrível à margem de um rio, sua vida muda por completo. A menina alegre que vive saltitando de um lado para o outro e tem uma paixonite por Brooks Griffin, o melhor amigo de seu irmão, sofre um trauma tão grande que acaba perdendo a voz. Sem saber como lidar com o problema, sua família se vê em uma posição difícil e tenta procurar ajuda, mas nenhum tratamento vai adiante. Ao longo dos anos, Maggie aprende sozinha a conviver com os ataques de pânico e, sem conseguir sair de casa, encontra refúgio nos livros. A única pessoa capaz de compreendê-la é Brooks, que permanece sempre ao seu lado. A cumplicidade na infância se transforma em amizade na adolescência, até que um dia eles não conseguem mais negar o amor que sentem um pelo outro. Mas será que o forte sentimento que os une poderá resistir aos fantasmas do passado e a um acontecimento inesperado, que os forçará a navegar por caminhos diferentes?
Eu tenho uma relação de amor e ódio com essa autora, eu amo a maneira com que ela faz com que nos apaixonemos pelos personagens dela, até que ela vem com uma marreta e destrói nosso coração. Essa série é um exemplo claro disso.

Maggie May era Uma garotinha cheia de opiniões e que sempre tinha algo a dizer, até que presenciou uma cena traumática na floresta perto de sua casa e isso a mudou. Do dia para a noite Maggie perdeu a sua voz e não conseguia mais deixar a casa dos pais. Isso trouxe consequências para toda a família e durante anos Maggie viu as coisas ao seu redor desmoronarem. Brooks era a única constante em sua vida, sua âncora e seu amor. Até que ela teve que deixá-lo ir também. Esse sentimento será forte o suficiente para resistir ao tempo, a distância e ao inesperado?

Como sempre Brittainy nos dá de presente uma narrativa com personagens apaixonantes e que nos faz chorar e sorrir antes de quebrar nosso coração em pedaços .

“Uma pessoa nunca lê um livro excepcional e segue em frente com as mesmas crenças. Ele sempre surpreende e desperta novas ideias, novas formas de olhar o mundo, não importa quantas vezes as palavras foram lidas.”

Maggie é uma das protagonistas mais doces e corajosas que já passaram pela minha mão. Durante anos ela aguentou a mãe inferiorizá- la por não ser perfeita, o pai superprotegê-la, o amor e a revolta dos irmãos. Tudo em silêncio, ela guardou para si seus medos e triunfos. Guardou também seu amor por Brooks, até que não conseguisse mais e tudo simplesmente explodisse para os dois.

Não sei como me sentir em relação ao Brooks, pois acho que esse livro inteirinho é da Maggie. Ele é um doce, mas eu acho que ele desistiu das coisas muito fácil, ele deu um espaço muito grande e de certa forma ele me decepcionou um pouco e por isso esse livro não entrou para os meus favoritos.

Apesar disso, acho que para quem ama um bom romance fofinho com pitadas de drama essa é uma boa recomendação e eu espero em breve trazer mais livros da Brittainy para vocês.
.

0 comentários:

Deixe seu comentário