O Desgosto de August - Brittany Cavallaro - Charlotte Holmes #2


Editora: Rocco Jovens Leitores
Páginas: 384
Onde Comprar: https://amzn.to/31CjfWi



Sinopse: James Watson e Charlotte Holmes estão buscando férias sossegadas depois dos últimos aconteci- mentos que quase os mataram. Mas Charlotte não é a única Holmes que guarda segredos, e o clima na casa da família em Sussex está palpavelmente tenso. Mais importante do que isso, Holmes e Watson poderiam se tornar mais do que amigos, mas o passado sombrio dela ainda é uma barreira entre os dois.Uma distração logo surge, porque Leander, o tio querido de Charlotte, desaparece da casa da família – depois de ser muito misterioso em relação a sua nova missão na Alemanha, que envolve falsificadores de arte. Charlotte agora está determinada a encontrá-lo. A primeira parada deles? Berlim. Seu primeiro contato? August Moriarty (a obsessão de Charlotte no passado, que muitos acreditavam estar morto), membro de uma poderosa família que falsificava pinturas famosas nos últimos cem anos. Mas quando entram na cena underground de Berlim e no luxo das galerias de arte em Praga, Holmes e Watson começam a perceber que as coisas são mais complicadas do que parecem. E muito mais perigosas também.


O Desgosto de August é o segundo livro da série Charlotte Holmes, escrita por Brittany Cavallaro e publicada aqui no Brasil pelo selo Rocco Jovens Leitores da Editora Rocco. A trama vai dar continuidade às aventuras de Charlotte e Jamie exatamente do ponto onde o primeiro livro parou. Após toda a aventura de Um Estudo em Charlotte, os protagonistas entram de férias da escola em que estudam, com a doce ilusão de que conseguiriam descansar. Porém, tudo vai por água abaixo quando o tio da mocinha desaparece em meio a uma investigação e Charlotte se vê incubida em encontrá-lo, o que nos leva a um novo desenrolar de mistérios e crimes não resolvidos.

Bem, me disseram que foi porque você estava apaixonadinho pela minha filha, mas ainda não entendo como isso o envolveu na história. - página 40

Confesso que estava bem ansiosa por esse livro. Um Estudo em Charlotte, que havia sido uma agradável surpresa, fez com que eu criasse grandes expectativas sobre essa continuação, sobretudo porque o nome Moriarty finalmente estava se envolvendo com a história, porém fiquei um pouco decepcionada. O livro é cheio de informação, várias histórias se cruzando e muitas teorias sendo apresentadas, que me causaram confusão em várias passagens e precisei voltar em alguns parágrafos para entender melhor.

Hadrian Moriarty é mais conhecido por subornar os líderes de países corruptos para se fingirem de cegos enquanto ele e a irmã fogem com tesouros nacionais. - página 152

Outro ponto a ser falado é: ODEIO finais abertos! Principalmente em séries de livros onde cada um tem seu plot. Me sinto enganada quando vejo aquela história não sendo finalizada como merece hahaha. Óbvio que entendo a necessidade de um gancho entre os volumes, mas fico chateada quando o plot principal não é bem resolvido, especialmente em um livro que envolve investigações e resoluções de crimes.

Mas devo comentar que os personagens evoluíram muuuuuito, e esse é um ponto importantíssimo. James está mais independente, mais resolutivo; e Charlotte percebe que não pode SIM, depender de alguém. A relação entre os dois também progrediu, o que faz muito sentido quando você pensa que o amadurecimento influencia todos os aspectos da vida de um ser humano.

(Meu último relacionamento romântico não foi categoricamente romântico, per se, mas certamente também envolveu crimes. Um carro cheio de cocaína, a delegacia local etc.) - página 286 

Por fim, depois de reclamar bastante haha, não posso deixar de falar na edição impecável que a Editora Rocco fez. A capa, a diagramação, todos os detalhes ajudam demais na hora da leitura. Ah! Fiz uma brincadeirinha e selecionei quotes aleatórios do livro, só para vocês terem uma ideia de como foi a leitura. Por mais que tenha sido um pouquinho decepcionante, já estou em expectativa para o volume 3!

0 comentários:

Deixe seu comentário