American Royals III: Rivals - Katharine Mcgee

 

Editora: Random House Books for Young Readers

Páginas: 398


Sinopse: Beatrice é rainha e, para a família real americana, tudo está prestes a mudar. Os relacionamentos serão testados. A princesa Samantha está apaixonada por Lord Marshall Davis, mas quanto mais sérios eles ficam, mais complicadas as coisas se tornam. Sam está destinada a repetir sua série de relacionamentos quebrados ... e desta vez o coração partido será seu? Estranhos se tornarão amigos. Beatrice está representando a América na maior encontro de reis e rainhas do mundo. Quando ela conhece uma glamourosa princesa estrangeira, ela é atraída para o círculo íntimo... mas a que custo? E os rivais se tornarão aliados. Nina e Daphne passaram anos competindo pelo príncipe Jefferson. Agora eles têm algo em comum: ambos querem derrubar a manipuladora Lady Gabriella Madison. Esses inimigos podem unir forças ou velhas rivalidades ficarão no caminho?


Essa é uma série que reúne drama de gente rica, problemas de adolescentes e realeza. Não tem muito mais o que pedir né? Infelizmente eu descobri que tem sim.


Depois de assumir seu lugar como rainha da América, Beatrice terá que ser a anfitriã do maior encontro de monarcas do mundo. Enquanto tenta provar seu valor, ela se aproxima da Princesa Louise, regente da França e seu círculo íntimo de herdeiros do trono ao redor do mundo. Acontece que enquanto Beatrice tenta achar seu lugar, Teddy fica cada vez mais distante dela. Samantha está vivendo seu amor de forma livre. A princesa e Marshall estão cada vez mais apaixonados. O problema é que por serem um casal biracial, eles são um símbolo e par ficar com ela Marshall tem que desistir de tudo. Nina terá que se aproximar de Daphne para derrubar um inimigo comum: Lady Gabriela Mardson. É, parece que o clima vai ficar tenso para a realeza.


Essa virou uma das minhas séries adolescentes ricos preferida do momento, mas infelizmente esse livro meio que não funcionou para mim. Acho que meu principal problema foi a dinâmica entre Nina, Daphne e Jefferson. A relação dos três beirou a total falta de noção e isso me irritou bastante.


Beatrice cresceu bastante, mas esse livro veio para nos lembrar que ela ainda é bastante jovem para comandar um país e que vai cometer muitos erros ao longo do caminho. A história dela com Teddy acaba esbarrando na questão do monarca e seu consorte que acaba não tendo um papel definido.


Já Samantha, foi a única personagem que não teve um grande drama.  Ela é o príncipe Harry dessa história. Ela é Marshall tiveram que fazer escolhas difíceis, mas que podem funcionar.


Já a dinâmica que me decepcionou foi entre Nina, Daphne e Jefferson. Primeiro preciso dizer que eu não gosto do príncipe Jefferson, o personagem mais pau mole do livro. Ele fez o que fez com a Nina e agora quer voltar a ser amigo dela e quando a Daphne não corresponde ao que ele quer, ele corre de volta pra Nina. Já Nina e Daphne acabam se tornando amigas e eu a dinâmica entre as duas e foi a melhor coisa que já aconteceu nessa série, mas que foi estragada pelo príncipe.


Não preciso dizer que o livro termina com um super plot twist que vai mudar tudo no próximo livro. E eu espero que a autora consiga ajeitar as coisas que ela fez nesse livro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Priscila, linguista de formação, doutoranda em Narratologia. Começou a ler um livro do Sidney Sheldon aos oito anos e nunca mais parou. Hoje, fez das Letras sua profissão.

Colaboradores

Caixa de Busca

Facebook

Instagram

Destaque

Ruthless - Gena Showalter - Immortal Enemies #02

  Editora: Harlequin US Páginas: 418 Sinopse: Micah the Unwilling, rei fada dos esquecidos, pode domar até a mais violenta das bestas. Forja...

DICA DE FILME

DICA DE FILME
Já nos cinemas!

Arquivos

Posts Populares

Receba as novidades!

Tecnologia do Blogger.

Parceiros